ROI: Aprendendo com os vencedores

28 de novembro de 2016

por

Este texto foi originalmente publicado no blog da IPA.
Repostado e traduzido por nós.
___

O que podemos aprender com os cases vencedores do Prêmio IPA de Efetividade de 2016? Nós perguntamos à alguns experts.

Nosso objetivo é sinalizar tendências entre os vencedores, exemplos surpreendentes e evidências para confirmar o desafiar as crenças da indústria.

O primeiro é Neil Godber, head de planejamento na JWT Londres, e vice presidente do júri deste ano. Os lides de Neil destacaram o uso da segmentação personalizada, o valor da mentalidade de teste e aprendizado e a importância da experiência dos clientes.

Orlando Wood, gerente da Brainjuicer, trouxe o argumento emocional. Ele utilizou as metodologias de pesquisa da Brainjuicer para ressaltar como as narrativas da campanha “Made of More”, da Guiness e os sucessivos anúncios de natal da John Lewis resultaram em alta preferência pelos anúncios e pelo sucesso mensurável do negócio.

David Tiltman, head de conteúdo da Warc, forneceu uma visão geral das tendências orçamentárias, de mídia e estratégicas dos vencedores. Suas tendências agruparam-se da seguinte forma: lucro e penetração; o surgimento da emoção; propósito e participação; e “grande ainda é melhor, mas por quê?”.

Baixe aqui os slides com todos insights.

Deixe uma resposta

VOLTAR